Encontro Tecnológico Special Purpose Fluoroelastomers

Evento dia:

22/06/2017

Resumo do ocorrido:

Com a participação e patrocínio da empresa Daikin America, a ABTB oportunizou para seus associados o Encontro Tecnológico Special Purpose Fluoroelastomers na cidade de São Leopoldo/RS dia 22 de junho/2017.
Assuntos que foram abordados pelo representante da Daikin, Sr. Luciano Vicente:
Fluorelastômeros (FKM) são cada vez mais utilizados para resolver difíceis problemas de vedação na indústria automotiva, petróleo e gás, processamento químico, fabricação de semicondutores, industrial geral e indústrias de processamento de alimentos. Nenhum outro elastômero proporciona o mesmo nível de resistência ao calor, resistência química e resistência mecânica ao mesmo tempo. Mesmo assim, existem condições especiais ou ambientes para os quais um fluorelastômeros de uso geral não é adequado. Estas situações requerem tipos especiais de fluorelastômeros. Foram apresentados três tipos de fluorelastômeros.
Os fluoroelastómeros curáveis com peróxidos são frequentemente utilizados quando é necessária resistência aos ácidos e outros solventes aquosos. Foi revisto as características e benefícios de curados com peróxido FKM, técnicas gerais de composição e processamento e ofereceu dicas úteis sobre a formulação de aplicações específicas, tais como o-rings, vedações de eixo e vários tipos de mangueira.
Uma das limitações fundamentais do FKM standard é a resistência a ambientes de pH elevado (básico). A amina e outros aditivos usados em óleos para motores automotivos modernos, óleos lubrificantes e fluidos de transmissão podem ser muito agressivos em relação a FKM. Da mesma forma, as lamas de perfuração e fluidos de conclusão utilizados na indústria de petróleo e gás contêm aditivos para aumentar o pH, a fim de evitar a corrosão de componentes metálicos. Nestas situações é necessário um elastômero resistente à base. Vários tipos estão comercialmente disponíveis, mas cada um tem desvantagens de processamento e / ou de propriedade distintas. A Daikin desenvolveu um novo fluorelastômeros com o melhor equilíbrio global de propriedades e custo de qualquer elastômero resistência à bases no mercado hoje.
Finalmente, para temperaturas de serviço acima de 250 ° C e produtos químicos muito agressivos, ou para processamento de semicondutores onde a contaminação não pode ser tolerada, um perfluoroelastômero (FFKM) pode ser a única opção. Mostrou como introduzir três graus de FFKM e como eles podem ser formulados para processamento químico, petróleo e gás e aplicações de processamento de semicondutores.
Compareceram representantes das empresas: Reweflon, Microjuntas, Flatway, Netzsch, Indubor, Caribor e Wolf
Compareceram representantes das empresas: Interquimica, Ingabor, Auriquimica, Unique, Cya, CETEPO, ISI Polímeros, Mercur, Bins, Quisvi, Petrobrás, Wutec e alunos das universidades Unisinos e UFRGS.
Para finalizar o evento a empresa Daikin ofereceu um coquetel e este momento as trocas de ideias e conhecimentos foram o foco desta confraternização.

Imagens do Evento:


<< Voltar