Nasce uma nova era para a indústria química - Chemours conclui separação da DuPont e é lançada como empresa independente de capital aberto.

Notícia publicada dia 19/08/2015

WILMINGTON, Del., 1o de julho de 2015 – O dia primeiro de julho ficará marcado para o setor químico. A partir desta data, a Chemours (pronuncia-se Quemúrs) começa a operar oficialmente em todo o mundo, inclusive no Brasil.

A nova empresa é o resultado de uma separação da divisão de Químicos de Performance da DuPont, que nasce com uma experiência de mais de 200 anos, um faturamento de US$ 7 bilhões e a liderança nos segmentos de Tecnologias de Titânio, Produtos Fluorados e Soluções Químicas. "Pensamos na Chemours como uma start-up de 200 anos", disse o presidente e CEO da Chemours, Mark Vergnano. "Levamos para o mercado uma rica tradição, baseada em nosso legado da DuPont, e nos baseamos na liderança e inovação no setor, acrescentando a energia e a agilidade de uma empresa global, centrada no cliente, que acabou de iniciar uma jornada.”


Conforme explica Antônio Mori, presidente da Chemours no Brasil, “O ponto de partida da Chemours é a sua trajetória de inovação e contribuição inquestionável ao desenvolvimento do mercado químico global. Nosso objetivo maior será atender às necessidades atuais e futuras de nossos clientes, sempre nos pautando pela simplicidade, integridade e transparência, na busca contínua por processos seguros e ágeis em prol da química”. Para apoiar a operação brasileira, Antônio Mori terá uma equipe de executivos que traz para a Chemours um extenso conhecimento do setor e do mercado nacional, além de sólidas qualificações operacionais. São eles:

- Maurício Xavier – diretor da área de Produtos Fluorados;
- Marco Aurélio Barbosa – diretor da área de Tecnologias de Titânio;
- Pedro Gonçalo Jorge – gerente sênior de Soluções Químicas;
- Rita Sbragia – gerente sênior de Recursos Humanos.

Além da liderança, a Chemours possui, ainda, posição diferenciada em diversos mercados-chave, incluindo o Brasil, excelente nível de relacionamento com sua base de clientes e sólido fluxo de caixa, o que lhe garante a continuidade do negócio, independentemente da atual situação do mercado.

A Chemours vai atuar voltada para a excelência química, combinando os sólidos valores corporativos e a orientação científica da DuPont, com o foco nos mercados de especialidades químicas. Para isso, todos os processos de segurança, tecnologias, patentes, plantas, produtos e suas especificações, bem como os canais de distribuição e os serviços que vinham sendo prestados, permanecem inalterados.

A empresa também irá honrar todos os contratos de fabricação e entrega de produtos já acertados antes de sua chegada oficial ao mercado, inclusive no Brasil. Além disso, a transição da marca DuPont para a Chemours nas embalagens será feita de forma gradual ao longo de 2015 e 2016. Neste período, a Chemours também vai participar de eventos e feiras de negócios com o intuito de difundir mais informações sobre sua nova plataforma de excelência química.

Sobre a Chemours:
A Chemours é líder mundial em Tecnologias de Titânio, Produtos Fluorados e Soluções Químicas. Com um faturamento de US$ 6.4 bilhões, possui 8 mil funcionários, atua em mais de 130 países e possui 55 plantas e laboratórios em todo o mundo, que proporcionam a seus clientes uma ampla gama de produtos e inovações baseadas em química, presente em diversos setores, como plásticos e revestimentos, refrigeração e ar-condicionado, mineração, biodiesel, etanol e saúde animal. Em seu portfólio estão marcas consagradas no mercado como: TeflonTM, VirkonTM, Ti-PureTM, KrytoxTM, VitonTM, OpteonTM, NafionTM, entre outras. Para ais informações, acesse chemours.com ou siga a Chemours no Twitter em @chemours.

Declarações prospectivas:
Este documento contém declarações prospectivas, que podem ser identificadas pelo uso de palavras como "planeja", "espera", "irá", "acredita", "pretende", "estima", "prevê" ou outras palavras de significado similar. Todas as declarações que tratam de expectativas ou projeções sobre o futuro, inclusive declarações sobre estratégias de crescimento, desenvolvimento de produtos, aprovação regulamentar, posição de mercado, benefícios previstos de aquisições recentes, crescimento dos benefícios previstos de ações de reestruturação, resultado de contingências, como litígio e questões ambientais, despesas, resultados financeiros e a data prevista para que as ações ordinárias da Chemours comecem a ser negociadas de "forma regular" na NYSE, são declarações prospectivas. As declarações prospectivas não são garantia de desempenho futuro e baseiam-se em certas suposições e expectativas de eventos futuros que podem não ocorrer. As declarações prospectivas também envolvem riscos e incertezas. Alguns dos fatores importantes que fazem com que os resultados reais sejam substancialmente diferentes daqueles previstos em quaisquer declarações prospectivas são: (i) riscos relacionados com o momento previsto da separação por meio da separação da Chemours, (ii) riscos de que as condições de separação não sejam cumpridas, (iii) o risco de que os benefícios esperados da separação possam não ser totalmente realizados ou possam demorar mais do que o esperado, (iv) validade contínua de uma carta privada que a DuPont recebeu da Receita Federal, e o recebimento e validade contínua de uma opinião sobre impostos, em formato e conteúdo aceitos pela DuPont e (v) fatores adicionais descritos nos arquivos da DuPont e da Chemours na SEC. Nem a DuPont nem a Chemours assumem nenhuma obrigação de atualizar as declarações prospectivas como resultado de desenvolvimentos futuros ou novas informações.

###

ChemoursTM, TeflonTM, Ti-PureTM, KrytoxTM, VitonTM, OpteonTM e NafionTM são marcas comerciais registradas da Chemours ou de suas afiliadas.

CONTATOS PARA A IMPRENSA:
G&A Comunicação
Paulo Henrique Alves
+55 11 3037-3235
paulohenrique@gaspar.com.br

Isabela Cavedem
+55 11 3037-3215
isabela@gaspar.com.br

Fonte: Bruno Rosenthal - Fluoroelastomers Sales- The Chemours Company
bruno.rosenthal@chemours.com

<< Voltar